quinta-feira, 13 de novembro de 2008

BILHETE-POSTAL



Minha querida Pitanga: Hoje fiquei a saber que o teu nome científico é Eugenia Uniflora Linn... Bonito nome! Nome de árvore... Pitanga do Brasil , Pitangueira, Eugenia Uniflora L.
Curiosa, dispus-me a procurar mais informações e soube que:

" Pitanga é uma palavra proveniente da língua tupi que quer dizer vermelho-rubro. E ela é, de fato, fruta vermelha, rubra, roxa, às vezes quase preta, gostosa de se comer, refrescante, refrigerante. Como se dizia há muito tempo atrás "grande calmante do sangue".


O sabor adocicado da polpa da pitanga, levemente ácido e de perfume característico próprio, tem lugar certo no paladar brasileiro. Sua imagem delicada, sua forma arredondada de gomos sutis e sua vermelhidão exagerada são símbolos da terra.


Originária do Brasil, a pitanga encontra-se país afora, espalhando-se desde o Nordeste até ao Rio Grande do Sul, ultrapassando fronteiras para chegar até algumas regiões do Uruguai e da Argentina.


A floração da pitangueira é abundante, branca e perfumada.
Além de consumi-la fartamente in natura, com o sabor da pitanga o brasileiro criou inúmeras receitas de sucos, refrescos, geleias e doces, além do famoso "licor ou cognac de pitanga"ao qual se atribuem propriedades afrodisíacas. Este último, também conhecido como "cognac tropical" e cuja receita ficou imortalizada no livro "Açucar" do pernambucano Gilberto Freyre............."



Desculpa, Pitanguinha, ter ido "remexer" na tua árvore... Se houver incorrecções diz-me para eu as poder emendar...


Assim que tiver um tempinho passo pelo Jardim Botânico para visitar a tua amiga e saber se deu flor... Depois sento-me à sua sombra e conto-lhe das tuas saudades. Já sei que me vai pedir que te leve lá da próxima vez que vieres...

Até lá, um beijo com muito carinho da

Maripa

Texto e imagem da net

12 comentários:

  1. Boa noite,
    Desconhecia este facto sobre a Pitanga :)
    Acho bem que a visite, pois pesquisou sobre a sua árvore genealógica ;)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Boa noite,
    Desconhecia este facto sobre a Pitanga :)
    Acho bem que a visite, pois pesquisou sobre a sua árvore genealógica ;)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. oh menina!

    o que eu fiquei a saber sobre a pitanga, que eu nao saibia.

    sabes que tenho uma pitangueira no meu jardim?!

    beijo para ti e para a Pitanguinha (Mila)

    ResponderEliminar
  4. Oi, Maripa

    Obrigada pela aula. kkkk
    Adorei!


    Obrigada pela visita, sumidaaa.


    beijos

    ResponderEliminar
  5. que lindo texto...nasci em Angola e sempre me encantei com as formas e os tons das pitangas...em Portugal quase não existem, mas nem por isso deixo de me fascinar por este fruto tão agri-doce

    beijos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Oh!:) a minha amiga Pitaguinha merece este Bilhete Postal, que só podia ser feito assim por alguém tão carinhosa como tu...

    :)beijinhos Maripa*

    ResponderEliminar
  7. desconhecia alguns factos de que escreveste sobre esta linda flor
    beijos

    ResponderEliminar
  8. O que queres que eu diga? Não, não há nenhuma incorreção. Só não disseste que os meses de melhor colheita vão de outubro (que é o meu mes) até dezembro.

    Quando fores ao Jardim e te sentares á sombra dela, talvez ainda possas ouvir os risos do rapaz e meu. Quem sabe alguém te conte como ele me levou até lá e disse no meio do caminho: "fecha os olhos, mãe, que quero te mostrar uma coisa". Na época não estava florida nem tinha frutos mas havia tanta felicidade, que não precisava mais nada.

    Obrigada Maripa, mais uma vez. Ainda trouxeste Tom com o seu Desafinado.


    "Que no peito de um desafinado
    No fundo do peito bate calado
    Que no peito de um desafinado
    Também bate um coração"

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. Boa noite, Maripa, e bons sonhos.

    beijos de Eugenia Uniflora.

    ResponderEliminar
  11. Maripa:

    Só mesmo você, com tua sensibilidade, para "conversar" de forma tão encantadora com uma pitanga.
    Lindo!
    Beijos

    ResponderEliminar


"Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” disse Antoine de Saint-Exupéry.

Grata pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dar-me um pouco do seu tempo, deixando um pouco de si através da sua mensagem.