quinta-feira, 20 de novembro de 2008




tive um sonho
tenho-o por vezes! o mesmo sonho...
mergulho no mar em trajes brancos e leves. ondulantes no caminho das águas. no meu sonho há flores que me circundam. algas que se embrulham com os meus cabelos fazendo-os mudar de tom. e, neste meu sonho, permaneço submersa sem me faltar o ar que de dia me foge. neste sonho não sou sereia. não quero! quero ser mulher. bailar com braços e pernas. abraçar a água a meu belo prazer como te abraçaria a ti. engraçado! agora reparei que sonho este sonho desde que te vi.

Luisa


A Pin, deixou-me este poema num comentário. É tão lindo que achei que era uma pena ficar escondido...Pedi-lhe se o podia transcrever e com simpatia e delicadeza anuiu, logo.
Obrigada. Flores para ti, minha querida.

13 comentários:

  1. Um lindo poema que a tua sensibilidade trouxe até nós. Parabéns à Pin e obrigada a ti, Maripa.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  2. Já tinha vindo aqui mas ainda não conseguia ouvir a música. Volto agora, e que linda!

    Lindas também as flores brancas e esta amizade que conquistaste.

    beijos e Boa Noite Maripa

    Eugenia Uniflora

    ResponderEliminar
  3. Os sonhos!

    Quem não tem sonhos leves como as flores, imensos como o mar!

    Que os sonhos sempre estejam consigo.

    Que somos sem o sonho?

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  4. Bom dia!

    Lindo demais.
    Ler seus textos com esse som ao fundo.....
    Ahhhh
    é mais que flutuar
    é sonhar
    com um barco á vela
    no mar

    beijos, amiga

    ResponderEliminar
  5. Sabes o que vim fazer, não sabes? Pois é. Estou a rodopiar qual Odette.

    beijos

    ResponderEliminar
  6. Maravilhosamente belo... tanto o poema quanto a imagem que tão bem escolhestes para represenatar as palavras.

    Muito bom estar aqui!

    Vou com paz na alma e coração!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Belíssimo Sonho e imagem estonteante.
    beijinho e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  8. É um lindo texto!
    Parabéns à Luisa!


    Beijos de luz e o meu carinho especial...

    ResponderEliminar
  9. e eu que vinha ler-te!
    obrigada, maripa.
    o foto é linda. gostava que fossem as minhas mãos a acolher as brancas flores ao som desta maravilhosa música.
    obrigada por tudo... sempre! as palavras carinhosas que me deixas, os abraços que sinto... e grata pelas flores que guardarei no coração.
    deixo-te um beijo cheio de ternura.
    luísa

    ResponderEliminar
  10. *
    grato
    pela partilha,
    que sabor a sal,
    que odor a iodo,
    que espumosa Pin,
    ,
    maresias nocturnas, deixo-te
    ,
    *

    ResponderEliminar
  11. lindo demais, por vezes fazem-se comentarios dignos de um poste como este
    parabens ás duas
    beijinhos

    ResponderEliminar
  12. já tinha lido o comentário e acho que ficou aqui muito bem.

    aliás, eu também já postei no blogue das artes, comentários da Pin gente por serem demasiado belos.

    beij para as duas

    ResponderEliminar


"Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” disse Antoine de Saint-Exupéry.

Grata pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dar-me um pouco do seu tempo, deixando um pouco de si através da sua mensagem.