terça-feira, 9 de dezembro de 2008

PRECISO


Preciso que anoiteça
para desfolhar a rosa azul
que prendi ao peito.

Preciso de pétalas orvalhadas
de lágrimas e luar
a caír em maré mansa
sobre o lençol de linho
em que me deito.

Preciso do brilho das estrelas
nesta noite em desalinho.

E porque o mar é rosa em mim
preciso de ti no meu mar.

Maripa

Imagem da net

21 comentários:

  1. Querida MAripa
    Sempre tão suaves e ternos os seus poemas e por isso dum real sentir que passa para quem lê.
    Grata pela passagem pela "casa" onde escrevo, mas ela desta vez ainda não estava pronta. Se quiser passar de novo, verá algo mais...!
    Beijinhos de mar
    Mariz

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Olá minha doce amiga Maripa.
    Precisamos sempre em nossas vidas, alguem que nos complete, que nos faça feliz...
    Precisamos dessa paz do seu blog.

    Precisamos de amigos.
    Precisamos ter fé e acreditarmos em Deus.
    Belo, lindo esse seu poema.
    Beijinhos doces, minha amiga.
    Uma semana abençoada por Deus.
    fique na doce paz.

    Regina Coeli.

    ResponderEliminar
  4. Olá querida Maripa...

    Excelente poema... Adorei Amiga*****E ainda é pouco... Beijinhos de carinho e ternura,
    Fernandinha

    ResponderEliminar
  5. São tão belos os teus poemas que gostaria de ter sido eu a escrevê-los.
    Parabéns, Maripa.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  6. que o teu mar te ofereça diariamente uma rosa azul para desfolhares de ternura
    beijos

    ResponderEliminar
  7. Sofrida querência, que o azul lhe caiba e o mar lhe banhe.

    lindo dia doce flor
    beijos

    ResponderEliminar
  8. Belo poema cara amiga.
    "Preciso de pétalas orvalhadas
    de lágrimas e luar"
    Tristinho mas lindo...
    "E porque o mar é rosa em mim
    preciso de ti no meu mar."
    Com um final afirmativo e bem conseguido.
    Gostei muito.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. Querida Maripa, preciso que amanheça o dia de amanhã e depois, e depois...

    Tão lindo teu poema Azul!

    boa noite

    ResponderEliminar
  10. Querida Maripa,

    Que assim seja, e que essa bela noite venha e deixe cair uma lágrima na maré.

    http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  11. Mais um poema maravilhoso, Amiga minha!...
    Um beijo
    O Mar e eu
    Tu e o Mar

    ResponderEliminar
  12. preciso de ti no meu mar...

    este mar que tanto nos atrai...este mar, que pode ser outro mar traduzido num outro sentir....

    beijo

    ResponderEliminar
  13. E quem nunca precisou de alguém no seu próprio mar que erga a primeira vela.

    ResponderEliminar
  14. Belo encontro de cores, flores e mar. Que continues sempre a nos brindar com estas belas alegorias.

    Beijos

    ResponderEliminar
  15. *
    um mar de rosas,
    nas vagas de pétalas,
    ,
    rosas de anil, deixo,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  16. Querida Maripa, a rosa azul é o símbolo do impossível...
    maravilhoso poema
    beijinhos

    ResponderEliminar
  17. ...simplesmente lindo!!!



    Beijos no seu coração...

    ResponderEliminar
  18. tu sabes o quanto te preciso
    só tu!
    sinto-me flor quando os teus olhos me veêm. brilho como a primeira estrela da noite. como o reflexo da luz nas lágrimas do orvalho.
    e sabes que acontece por ti!
    o mar traz-me a tua voz na batida suave das pequenas ondas. o vento entrega-me o aroma das rosas que confundo com o teu cheiro.
    e sabes que na maresia te encontro, no arco-íris que se forma quando as ondas desmaiam nas rochas, na areia da praia, nas folhas que agora se soltam das árvores do parque...
    só tu sabes o quanto te preciso!

    um beijo, maripa

    ResponderEliminar
  19. Um poema maravilhoso repleto de querência!

    Continuação de um bom fds :)

    ResponderEliminar


"Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” disse Antoine de Saint-Exupéry.

Grata pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dar-me um pouco do seu tempo, deixando um pouco de si através da sua mensagem.