sábado, 7 de fevereiro de 2009

QUADRO


Quadro

Há um pintor que pinta a negro e branco
para chegar aos vários tons de azul e verde.
Eu digo a cor suprema
onde todas se conjugam e nenhuma
se perde.
O anel de nuvens e de bruma
em volta do poema.
Ou o som do silêncio. A fala e o vento.
Ou talvez o basalto
e o tom incerto
do cinzento.
E de súbito o Pico a descoberto
o azul o branco a luz do alto.

Manuel Alegre

Foto de 1992 ( ...o Pico visto da ilha do Faial) ...saudades.

12 comentários:

  1. Que linda foto sua, acompanhada de um poema que fala da cor...
    tal como as variações cromáticas assim são os momentos da nossa vida, uns mais alegres outros menos risonhos.
    A minha mãe costuma dizer que Sonhar é viver... mas eu acho que também Vivemos quando recordamos.
    Por isso, recordar e trazer de novo aquela imagem, aquele sabor, palavra, música...
    Um grande beijinho de LUZ

    ResponderEliminar
  2. Linda a paisagem e pareces bem feliz no meio deste azul.

    boa noite Maripa

    ResponderEliminar
  3. Isto é música para se dançar de rostinho colado. Ah, quando este braço ficar bom!!!

    ResponderEliminar
  4. A palavra mágica
    dorme na sombra
    de um livro raro.
    Como desencantá-la?
    É a senha da vida
    a senha do mundo.
    Vou procurá-la.
    Vou procurá-la a vida inteira
    no mundo todo.
    Se tarda o encontro, se não a encontro,
    não desanimo,
    procuro sempre.
    Procuro sempre, e minha procura
    ficará sendo
    minha palavra.

    Carlos Drummond

    Lindo domingo!
    abraços

    ResponderEliminar
  5. ADOREI a sua foto. Linda!!!

    Adorei as rosas aqui em baixo.
    Precisamente na minha cor preferida: Lilás ou Violeta.

    Mais uma visitinha, de agora em diante só ao fim de semana, pois durante a semana o meu tempo vai diminuir de forma considerável; ao fim de 10 meses em casa, vou regressar ao trabalho, mas...outro trabalho, outras pessoas, outro lugar.
    Vai ser tudo novo na minha vida: Ano novo, vida nova!!!

    Convido-a agora para que espreite algumas fotos da exposição, no meu blog "Momentos Perfeitos", este é mais um dos muitos momentos perfeitos da minha vida.

    Abraço.
    Bom domingo e óptima semana.

    ResponderEliminar
  6. Lindíssima a foto!
    Passei aqui para lhe desejar um belo Domingo!
    Que seja muito...mas muito especial o seu dia!

    Um abraço carinhoso

    ResponderEliminar
  7. Que bem se enquadra a fotografia no seu “O MAR ME QUER”
    Até o poema do Manuel Alegre parece ter sido feito a propósito …

    A imagem tem tudo a ver com o blog:
    Mar, cor, um não sei quê de serenidade e de paz.
    Paz e serenidade que no todo do blog se traduz também em “arrumação”,em beleza pictórica, em poesia.
    E este “cheiro a maresia” que vem, talvez, do cabeçalho e do “rodapé”, (duas belas imagens onde tudo é mar.).
    E uma brisa fresca a rescender a sal, à mistura com perfume de flores, as flores em que o blog é pródigo.
    Que lindo e repousante é “O MAR ME QUER”.
    Apetece vir para aqui, retemperar das agruras do mundo …

    Carlos Ferreira

    ResponderEliminar
  8. Um post saudosista, de um lugar, de um momento que viveste. Sabias que também é possível sentir saudade de um lugar em que não se esteve ou de um momento que não se viveue mas que tanto se desejou? Deixo-te aqui o desafio... aguardo um dos teus belos poemas sobre este tema.

    Bjinhos e tem uma excelente semana!

    ResponderEliminar
  9. *
    belo poema,
    penso
    que na altura
    o Manel estava acompanhado,
    da Natália Correia,
    ,
    conchinhas, deixo,
    ,
    *

    ResponderEliminar


"Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” disse Antoine de Saint-Exupéry.

Grata pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dar-me um pouco do seu tempo, deixando um pouco de si através da sua mensagem.