sexta-feira, 6 de março de 2009

CARTA A SOPHIA

Carta a Sophia
ou
o quinto poema do português errante


Querida Sophia: como os índios do seu poema
também eu procurei o país sem mal.
Em dez anos de exílio o imaginei
como os índios utópicos também eu queria
um outro Portugal em Portugal.
Mas quando regressei eu não o vi
como eles me perdi e nunca achei
o país sem mal.

Talvez a própria vida seja isto
passar montanha e mar sem se dar conta
de que o único sentido é procurar.
Como os índios do seu poema eu não desisto
sou um português errante a caminhar
em busca do país que não se encontra.

Manuel Alegre

Imagem da Net

17 comentários:

  1. não conhecia este poema de Manuel Alegre...gostei muito de o ler, obrigada pela partilha
    beijos e bom fds

    ResponderEliminar
  2. desculpa não comentar nada... voltarei.
    vim dizer que tive que deixar-te um desafio no pin.
    beijo

    ResponderEliminar
  3. nao conhecia este poema do Manuel Alegre.

    é um belo poema.

    beij

    ResponderEliminar
  4. Em busca do País que não se encontra, mas como o Manuel Alegre tem razão...por mais que procuremos, vamos dar a outros qua ainda estão pior que os portugueses... Ah Portugueses errantes, tão tristes e sofridos por causa de meia duzia de givernantes!...de , depois, de agora e de antes...
    Beijinhos, e, já conseguiste colocar o pps? laura..

    ResponderEliminar
  5. Desenham-se corpos Inquietos
    sem rostos(...)
    invisíveis.

    Improvisam a alma
    Enriquecem a valsa
    mergulham despercebidas

    Sombras sem fendas
    gritam no deserto povoado
    expectativa de vida (...)
    partes de nós.

    ResponderEliminar
  6. "Talvez a própria vida seja isto
    passar montanha e mar sem se dar conta
    de que o único sentido é procurar."

    Concordo plenamente.

    Feliz dia das mulheres!

    Um beijo carinhoso

    ResponderEliminar
  7. As sempre belas palavras de Manuel Alegre...
    ... "em busca do país que não se encontra".

    Um beijo, Maripa.

    ResponderEliminar
  8. ...este blog tem um cheiro a maresia e isso entranha-se em mim, prende-me aqui.


    Gosto de Manuel Alegre, destas palavras em especial.

    ResponderEliminar
  9. Adoro cartas, escreve-las e recebe-las, pena que hoje os e-mails nos tiraram esse gostinho.
    Belo poema!

    lindo seu final de semana minha doce querida
    beijos

    ResponderEliminar
  10. Ora, sábado, dia de mais relax, de mais saídas... Tenho lá duas cadeiras vazias, podes vir sentar-te nelas (se fosse daqui pertinho, podes crer, iria conhecer mais uma belissima Poetisa e grande ser humano) e podiamos conversar demoradamente, numa paisagem como aquela...
    Um beijinho e um dia feliz...laura.

    ResponderEliminar
  11. ... "em silêncio passo e deixo o meu abraço aberto à espera do teu peito!"



    Com muito carinho por ti Maripa!



    BIA

    ResponderEliminar
  12. Salvé querida amiga.
    Conheci bem o Manuel Alegre. Chegou a ser meu Secretário de Estado em 77/78 e sempre que tinha oportunidade sempre rabiscava um poema.
    Li muitos dele, mas este não...pelo que todos são belos.Mais belos se tornam pela mão de quem os tráz á LUZ.

    Venho informar que inaugurei mais um blog - mesmo inacabado, queria muito que no dia de hoje surgisse no ar - mas visa informar o que necessário for, para ajudar o Planeta e também o nosso próximo; por isso lhe chamei "Ajuda e Divulgação".Lá, está visível uma prenda e um beijo, para todas, neste DIA ESPECIAL.
    Seguidamente - e basta clikar no blog "ÓSCARES" - está já preparada uma homenagem, onde o prémio "MULHER 2009" espera a visita das que de uma forma mais assídua ou "en passant", vêm acompanhando o blog oficial "SOU PÒ E LUZ"! - também neste existe um mimo para todas.
    Já percebi que concentrou todos os prémios em imagem - mas não faz mal.
    Espero que goste!

    Abraço meu
    Mariz

    ResponderEliminar
  13. Será que só eu encontro este país ou ele vive na minha imaginação? Ou eu viverei num país tão mais sem sal que nem sinto a falta no outro que procuro?

    beijos e boa tarde

    ResponderEliminar
  14. Grandes lições...
    E serão os "alunos" atentos?

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  15. TEM DESAFIO NOS TRES MARIAS PARA VC!BEIJOS!

    ResponderEliminar


"Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” disse Antoine de Saint-Exupéry.

Grata pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dar-me um pouco do seu tempo, deixando um pouco de si através da sua mensagem.